"Tava indiferente, logo me comovo"

Há exatamente um ano eu estava em Paris, super encantada com o lugar. Mas eu ainda não sabia que ia encontrar meu coração em Edimburgo…

Eu ainda não sabia que chilenos não tem cara de índio; que Santiago é praticamente uma metrópole e que aqui pode até nevar, mas faz calor de verdade!

Há exatamente um ano eu nunca tinha tido um cachorro na vida, mas eu já desconfiava que seria conquistada…

Eu achava que sabia falar espanhol, e achava que estava preparada pra viver num novo país…

Eu não conhecia um monte de pessoas que agora existem na minha vida (com maior ou menor grau de importância).

Eu não sabia que a falta pode ter tantas facetas diferentes e nem pensava que aquele “saudades” sempre no final de alguns emails poderia ser tão mais palpável e real…

Há um ano eu suspeitava que 2011 seria imenso, em todos os sentidos! E suspeitava que MUITA coisa ia mudar…
Acho que eu ainda não sabia que EU mudaria tanto, nem que era possível mudar, sendo ainda a eu mesma de sempre.

Em 2011 eu reclamei muito na internet, nas redes sociais, no blog…
Aliás, em 2011 eu fiquei muito na internet… provavelmente pra vir sem ir de vez, pra deixar alguma marca em vocês aí tão longe e ter a presença de vocês aqui perto…

Parece que faz uns mil anos que estive na Europa, parece que faz só um tempinho que estou casada, parece que foi há alguns anos que sai do Brasil, parece que estou na faculdade há uma eternidade (por que será?? hahaha), parece que a Maní sempre esteve na minha vida, parece que o Chile é minha casa há pelo menos dois anos, parece que me despedi de alguns amigos há poucas semanas, parece que faz séculos que não vejo algumas pessoas (no caso de algumas, faz mesmo)…

O tempo é essa coisa maluca “que mexe com a minha cabeça e me deixa assim”(hahahaha)… mas o que eu andei percebendo é que a força e o peso de algumas experiências alteram bruscamente a sensação temporal sobre elas…

2011 foi uma vida inteira em um ano só!!!! 2012 já chega com mais calma… 
Talvez eu envelheça menos no próximo ano, talvez eu emagreça mais, talvez eu aprenda menos, talvez eu descubra mais…

Toda a sede de novidade misturada com o absurdo frio na barriga que eu sentia há exatamente um ano se acalmaram….
Mas fico contente em perceber em mim, para 2012, a fome de viver mais e, por que não, melhor!

Por isso, não vou desejar feliz ano novo pra vocês, mas sim um ano de barriga roncando, um ano de um apetite insaciável, para que, em um ano mais, possamos nos encontrar satisfeitos, com aquele soninho de depois de um bom almoço, deitar lado a lado na grama – mesmo que virtualmente – e comemorar todas as coisas deliciosas que devoramos no ano que passou!

Aos meus super queridos, simpaticamente curiosos e sempre pacientes, BOM APETITE!!!!!

Anúncios

Um pensamento sobre “"Tava indiferente, logo me comovo"

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s